Entenda de uma vez por todas como aumentar o pênis – 5 métodos mais bem-sucedidos

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Se você chegou aqui procurando por uma forma para aumentar o pênis, meu amigo, sua busca é por melhorar sua vida sexual. Provavelmente você quer saber se há algum jeito de fazer isso ou se é tudo fruto de oportunistas. Aqui você vai encontrar informação para te dar mais confiança e afastar a ansiedade trazida por sentir que tem pênis do tamanho certo.

Existem técnicas que podem dar o resultado que você tanto procura. Mas, é necessário destacar que muitos estudos apontam que a imensa maioria dos homens que acham que tem um pênis pequeno, se baseiam em parâmetros totalmente fora da realidade (como atores de filmes pornô). A média está entre 10 e 15 centímetros (ereto). 

Acreditar que possui um membro menor que o normal, mesmo que ele esteja nos padrões, tem um termo: dismorfia peniana. Essa condição se dá quando os homens acabam criando expectativas inalcançáveis em relação ao seu pênis por causa do impacto que os filmes pornográficos (e mesmo a cultura pop) desencadeou na sociedade.

Agora que discutimos essas informações, ressaltar que a maneira como você se sente em relação ao seu corpo é conta muito. Então, é compreensível que mesmo que você tenha um pênis considerado do tamanho normal, não é crime nenhum querer um pouco mais de segurança ao se despir na frente de alguém.

O QUE SERÁ ANALISADO

Não adianta fingir que você já não viu por aí que há dúvidas sobre aumentar o peniano. É consenso que não existem evidências sobre várias técnicas que prometem essa façanha.  A faixa etária do público, geralmente adolescente, não ajuda a ter números precisos (o crescimento pode fazer parte da puberdade e atrapalhar os resultados).

Mas, de acordo com inúmeros relatos e algumas pesquisas, há métodos que podem garantir um crescimento mínimo de até 3 cm apenas com exercícios. Mais, que isso: há cremes, dispositivos e medicamentos que podem conceder bons resultados e, caso sinta que realmente é o caso, há a possibilidade de realizar uma intervenção cirúrgica. 

Em todo caso, você vai terminar de ler esse artigo com a certeza de poder contar com todas as opções. É importante manter contato próximo com um especialista para consultar o melhor tratamento no seu caso. Afinal de contas, a maioria das técnicas ainda é perigosa e pode levar riscos à sua saúde sem o acompanhamento de um urologista.

Os 5 métodos abaixo são os mais bem-sucedidos

Você vai concordar comigo: há tantas formas quanto o possível dizendo que dá para deixar seu amigão maior e mais robusto. Boa parte promete milagres, inclusive. Há formas bem controversas de aumentar o pênis, outras são perigosas e, por conta disso, vou demonstrar 5 técnicas das mais plausíveis e mostrar quais as chances de darem resultados.

1.   Exercícios para aumento do pênis

Como você deve imaginar, existe um cardápio imenso de exercício que promete aumentar o pênis. Mas, vamos descartar os mais arriscados e falar de dois que são os que mais dão resultados: O Kegel e o  Jelqing. São técnicas bem distintas, uma concentra o esforço em reforçar o assoalho pélvico. Já a outra combina massagem com um certo tipo de ordenha. 

Reforçando o assoalho pélvico para ganhar uns centímetros

De todas as formas caseiras para aumentar o pênis, provavelmente o Kegel é a mais segura. Mais que isso, ele potencializa todas as outras áreas da sua vida sexual, promovendo melhor desempenho na cama. É indicado, principalmente, para ter uma ereção mais forte e duradoura que qualquer outro listado.

Você precisa saber quais são os músculos do assoalho pélvico. É fácil: quando estiver urinando, tente interromper o processo. Se conseguiu, encontrou! O treinamento consiste em estar com a bexiga vazia, encontrar um bom lugar e deitar com a barriga voltada para cima; flexionar os joelhos como se fosse fazer abdominais e depois contrair os músculos.

Repita esse processo cinco ou seis vezes, mantendo a contração entre 4 e 5 segundos. Faça isso uma vez após da outra e siga aumentando o tempo de as “seguradas” até conseguir contrair por 10 segundos sem parar. Quando chegar nesse ponto, reveze entre contrair por 10 segundos e relaxar pelo mesmo tempo. Faça no máximo 20 minutos por dia.

Jeqing – o exercício caseiro mais famoso para aumentar o pênis

O negócio do Jelqing é dar importância aos músculos do pênis como se levasse seu órgão sexual para a acadêmia. É apenas uma força de expressão, mas a ideia é criar traumas musculares para gerar microfibras. Desse modo, a área “machucada” engrossa e aumenta durante a recuperação.

O exercício é simples, mas precisa de cuidados para não gerar nenhuma lesão. Você deve lubrificar o pênis e conseguir uma ereção parcial; faça um “O” com os dedos de uma mão, encostando o seu dedo indicador e o seu polegar; com essa mão e estique o pênis e puxe-o para baixo, da base dele para a cabeça.

Mesmo que a teoria sobre o crescimento muscular pareça fazer sentido, o pênis não é igual aos músculos do braço ou da perna. Ele não é formado apenas de músculo. Ele possui tecido esponjoso chamado de corpo cavernoso e o corpo esponjoso, muitas terminações nervosas e é muito vascularizado. 

Considerado um método ineficaz por não haver estudo relacionado, há um número enorme de relatos positivos, garantindo crescimento em comprimento e largura (muitos superiores a 5 cm), que se faz necessário considerar. No entanto, as chances de lesão são enormes se o exercício for feito de forma errada e não houver acompanhamento da saúde do seu pênis.

2.   Cremes e géis

Esse é o método mais difundido entre empresas mal-intencionadas, por ser acessível e menos invasivo, mas há entre elas marcas sérias e que proporcionam resultados positivos. Cremes e géis que prometem aumentar o pênis e que são realmente efetivos são escassas. Converse com seu médico antes de usar para confirmar se existem efeitos colaterais.

Tão logo você tenha a autorização para uso, faça o seguinte teste: esfregue um pouco do gel na sua coxa ou no seu antebraço; cubra o local com um curativo para evitar contato com outras substâncias; aguarde um período de 24 horas e analise se a área está irritada. Veja se há vermelhidão, se o local está inchado, descolorido ou se há algo diferente do normal..

Escolha sempre cremes que tenham em sua fórmula produtos que favoreçam a produção de testosterona e melhorem o fluxo de sangue no pênis. Aloe vera, extrato de Ginko Biloba, de acerola, de romã, de pepino são fontes ativas para aumentar a libido, ótimos cicatrizantes, antioxidantes, fontes de colágeno e podem melhorar o fluxo sanguíneo. 

A promessa desses produtos é que o uso prolongado pode aumentar entre 5 e 10 cm o tamanho de seu pênis. O tratamento deve se dar por pelo menos 3 meses, diariamente, para que o efeito possa surtir efeito. 

3.   Medicamentos (pílulas e comprimidos)

Comprimidos e pílulas que podem aumentar o pênis tem como função primária tratar outros problemas (como no caso da própria disfunção erétil e ejaculação precoce). Alguns fazem sucesso no universo pornô e são queridinhos dos profissionais desse ramo. A indicação é optar por medicamentos que têm sua fórmula 100% natural, pois são mais confiáveis. 

Assim como no caso do géis, é importante fazer uma avaliação prévia com o seu médico para entender como seu corpo pode reagir. Há muitos depoimentos de usuários que depois do tratamento, obtiveram aumento considerável (entre 5 e 7 cm). É imprescindível dizer que esse texto substitui a opinião de um especialista — principalmente se ele for o seu urologista. 

4.   Dispositivos para aumentar o pênis

Não vai ser difícil encontrar uma série de dispositivos que prometam dar ao homem comprimento e espessuras muito maiores do que as que possui. Como um montante enorme deles não tem resultados cientificamente comprovados, vamos focar aqui nos dois tipos mais difundidos e que podem te ajudar a alcançar seus objetivos.

Bomba de vácuo

Esse equipamento força a entrada de sangue no pênis e trazem a reputação de ajudarem a aumentar a circunferência e, possivelmente, o seu comprimento total. É necessário frisar que as bombas de vácuo foram criadas para auxiliar no tratamento de disfunções eréteis e a melhorar a recuperação peniana após a cirurgia (como a prostatectomia radical). 

Apesar de haver indicações para o uso diário extensivo, como rotina de exercícios, que prometem aumento relevante depois de um ano de uso (ou mais). As bombas penianas podem causar inchaço devido a danos nos tecidos. Isso pode fazer com que o seu órgão pareça maior, mas também pode prejudicar a sua função. Consulte um urologista sempre. 

Dispositivo de tração (extensores)

Um extensor peniano (ou dispositivo de tração) é uma haste que tem como função esticar seu pênis de forma gradual. Uma coisa é consenso entre todos os dispositivos de auxílio aos exercícios de aumento do pênis: os extensores são os que apresentam resultado satisfatório reconhecido por estudos científicos.

Os dispositivos mais eficazes requerem pelo menos seis meses de utilização para produzir resultados. Para conseguir atingir seu objetivo, o indicado é fazer uso pelo menos por 2 horas por um período igual ou superior a três meses. Para utilizar, é preciso ajustar o anel de silicone (cinta) após prender ambas as extremidades (na base do e na ponta do pênis). 

A cinta deve ser esticada, mas com cuidado para não apertar. Testes precisam ser feitos para você encontrar a pressão adequada. Ao colocar o extensor, lembre-se de seguir o manual de instruções. O não cumprimento das orientações pode acarretar lesões que podem comprometer os resultados e/ou causar problemas graves para a sua saúde sexual. 

O tempo de uso do dispositivo deve ser de 2 horas por dia (ou até incomodar, o que acontecer primeiro). Não durma com o dispositivo de tração se você não possuir já a flexibilidade necessária para conseguir utilizá-lo por pelo menos 6 horas sem sentir qualquer desconforto. No mais, converse com seu médico e faça acompanhamento. 

5.   Cirurgia para aumentar do pênis

Na verdade, há dois tipos de cirurgia. Uma para aumentar a grossura e outra para aumentar o tamanho do pênis. Apesar de o efeito ser praticamente instantâneo, deve ser considerada como último recurso. Toda intervenção cirúrgica é recheada de riscos e pode deixar danos colaterais indesejáveis. Aqui não é diferente. 

Mas, caso seja a última opção viável, esse método é importante e cobiçado. A cirurgia para engrossamento consiste em fazer enxertos da gordura do próprio paciente em seu pênis. O segundo tipo de cirurgia é a liberação do ligamento suspensor. Uma âncora que prende o pênis à área da púbis para dar suporte durante as ereções. 

Quando esse ligamento é cortado, o efeito imediato é o aumento do pênis. É possível que, flácido, o órgão tenha um aumento de 1 a 3 cm, e que numa ereção, ele chegue a um aumento maior que 5 cm. É preciso lembrar que o ângulo da penetração muda, já que o apoio durante uma não existe mais e isso pode causar um certo desconforto na hora H.

Conclusão

Como te mostramos, há técnicas que hoje são reconhecidas por trazerem resultado para aumentar o pênis. Se você procura métodos não invasivos, a melhor forma é se dedicar aos exercícios, mantendo o cuidado para não causar lesões que podem prejudicar seu desempenho sexual ou até mesmo ferir gravemente seu órgão.

Os cremes e géis são facilmente encontrados e de relativo fácil acesso. É entre as opções, uma das menos invasivas e que pode garantir resultados positivos, mas é necessário o uso ininterrupto das loções por meses a fio. Ou seja, é preciso comprar um kit inteiro para obter potenciais resultados.

Com o avanço da medicina, principalmente a natural, as novas descobertas combinam o milagre dos ingredientes à base de produtos 100% naturais e fórmulas que fornecem um crescimento natural e permanente ao pênis. Essa é a promessa dos remédios. No entanto, não se deve ingerir qualquer medicamento sem o acompanhamento de seu médico.

Os dispositivos são equipamentos voltados exclusivamente para aumentar o pênis e eles têm bons resultados em pesquisas relacionadas. O dispositivo de tração, por exemplo, é o que garante os resultados mais eficazes, enquanto a bomba de vácuo pode promover um engrossamento relevante. Mas, é necessário cuidado para não lesionar o pênis.

As cirurgias são as que garantem resultados imediatos. Tanto o aumento do diâmetro (grossura) quanto o do comprimento total, são opções viáveis, mas como intervenções cirúrgicas possuem o risco associado. Além disso, o procedimento que aumenta o tamanho do pênis pode mudar um pouco a forma como você se relaciona sexualmente.

Dr. Carlos Nóbrega

Dr. Carlos Nóbrega

Veja Também

Deixe um comentário